Comportamento

Vídeo do Instituto Maria da Penha é forte, mas necessário

Só no Estado de SP, onde a quarentena foi adotada no dia 24 de março, a Polícia Militar registrou um aumento de 44,9% no atendimento a mulheres vítimas de violência.

O total de socorros prestados passou de 6.775 para 9.817. Casos de feminicídios também subiram 46,2%.

Devido ao isolamento social, muitas mulheres não conseguem fazer as denúncias, o que gera um número alto de subnotificações.

Pensando nesse cenário, o filme “Call” mostra um caso de violência doméstica descoberto a partir um grupo de pessoas em uma videoconferência de trabalho.

“Lidamos diariamente com a violência doméstica. Mas o confinamento deu mais visibilidade a ela. Daí a importância de conscientizar e informar sobre como identificar as situações de violência”, diz Conceição de Maria, cofundadora do Instituto Maria da Penha.

O vídeo é forte, mas necessário. Veja abaixo!

Com informações do UOL


Compartilhe!