Notícias

Ministério da Agricultura suspende 33 azeites de oliva; veja as marcas

O Ministério da Agricultura suspendeu a comercialização de 33 marcas de azeites de oliva por terem sido adulteradas.

A maior parte das fraudes foi feita com a mistura com óleo de soja e óleos de origem desconhecida.

De acordo com o comunicado da pasta, foram identificados 59 lotes com irregularidades.

As marcas que praticaram fraudes foram: Aldeia da Serra, Barcelona, Casa Medeiros, Casalberto, Conde de Torres, Dom Gamiero, Donana (premium), Flor de Espanha, Galo de Barcelos, Imperador, La Valenciana, Lisboa, Malaguenza, Olivaz, Oliveiras do Conde, Olivenza, One, Paschoeto, Porto Real, Porto Valencia, Pramesa, Quinta da Boa Vista, Rioliva, San Domingos, Serra das Oliveiras, Serra de Montejunto, Temperatta, Torezani (premium), Tradição, Tradição Brasileira, Três Pastores, Vale do Madero e Vale Fértil.

Embora os supermercados tenham sido alertados sobre as marcas com problemas, muitos comerciantes insistem em vendê-las devido ao preço baixo.

Leia aqui a nota completa divulgada pelo Ministério da Agricultura a respeito dos azeites fraudados.


Veja também:

Governo estuda taxar leite condensado e repassar ao Bolsa Família

Uso de celular com cabeça inclinada pode causar lesão na coluna

Governo quer postos de saúde abertos até às 22h


Compartilhe!